Psicologia de Reabilitação Cardíaca

Consulte por especialidade e/ou sub-especialidade
Marcação

Porquê uma Psicologia da Reabilitação Cardíaca?

Na maioria das vezes o diagnóstico de uma doença cardíaca constitui um acontecimento abrupto na vida da pessoa que a coloca temporariamente num estado de crise e de desorientação, o que pode influenciar a eficácia das estratégias a que recorre para lidar com a situação de doença.

O diagnóstico e a vivência da doença cardíaca associam-se a uma elevada prevalência de reacções emocionais negativas, como a depressão e a ansiedade, e a perturbações que comprometem a recuperação da doença, como as dificuldades no regresso ao trabalho e a diminuição da actividade social e sexual.

Os benefícios da intervenção psicológica na resolução destas dificuldades e na diminuição do risco cardíaco são confirmados pelos resultados da investigação científica actual. Por estas razões verifica-se que nos últimos anos, os programas de reabilitação cardíaca médica têm incluído diversas componentes psicológicas.

A pensar na saúde do seu coração surge o Programa de Intervenção Psicológica na Reabilitação Cardíaca.

 

Acordos

Imprimir

Telefone Geral

252 090 600

16 julho 2018

Qual é a importância da Tiroide?

15 julho 2018

Quando as varizes reaparecem

11 julho 2018

Tratamento minimamente invasivo da dor lombar