Skip to main content
Benefício do desporto para as crianças
publicado em 24 Jul. 2022

A atividade desportiva é muito importante para a saúde em qualquer fase da vida e sabe-se que, na infância, em especial nos primeiros cinco anos de vida, a criança está num período de rápido desenvolvimento físico e cognitivo, sendo mais fácil moldar estes hábitos.

 

O exercício físico regular contribui para um melhor desenvolvimento cognitivo, motor e psicossocial das crianças. Promove a saúde cardiovascular, respiratória e musculoesquelética, prevenindo o aparecimento de lesões ou doenças crónicas.

Contribui para o fortalecimento muscular, desenvolvimento dos ossos e articulações, assim como a flexibilidade, a capacidade de resistência, a coordenação motora e o equilíbrio. Ao contribuir para o desenvolvimento dos componentes musculares, evita a sobrecarga dos ossos e articulações, assim como previne lesões dos ligamentos.

Além destas vantagens, sabemos que quanto mais ativa for a criança, menor vai ser o tempo despendido em frente aos ecrãs com atividades sedentárias, contribuindo desta forma para a adoção de hábitos de vida saudáveis. Como outros benefícios podemos ainda apontar: melhoria da qualidade do sono, diminuição da ansiedade, melhoria da autoestima, promoção de socialização e capacidades, como memória e atenção.

 

A Organização Mundial de Saúde (OMS) recomenda atividade física de forma regular desde o nascimento até aos 18 anos, de forma progressiva, consoante a idade:

Crianças <1 ano

Devem ser colocados pelo menos 30 minutos por dia na posição de barriga para baixo (gatinhar/ rastejar), o que vai ajudar a fortalecer os músculos do pescoço e evitar posições viciosas na cabeça do bebé. Diariamente, deve-se estimular o movimento da cabeça, pernas e braços, durante as rotinas, e realizar brincadeiras interativas supervisionadas no chão.

Crianças entre os 1-2 anos

Devem realizar pelo menos 3 horas de atividade física diária, de intensidade variada, privilegiando o exercício ao ar livre, sempre que possível. Alguns exemplos para esta faixa etária podem passar por caminhar, correr, rolar, nadar ou brincar na água, criar circuitos para movimento ou fazer jogos com bolas ou similares.

Crianças entre os 3-4 anos

Devem realizar pelo menos 3 horas de atividade física diária, com pelo menos 1 hora de uma atividade de intensidade moderada. Além das anteriores, podem realizar caminhadas, corridas, saltos, brincar às escondidas, andar de bicicleta ou atirar e apanhar objetos.

Crianças e adolescentes, entre os 5-18 anos

Devem ser encorajadas a manter pelo menos 3 horas de atividade física diária, com pelo menos 1 hora de atividade moderada a intensa e realizar atividades de fortalecimento muscular pelo menos 3 dias por semana. Podem ser introduzidas modalidades desportivas individuais ou coletivas, como futebol, andebol, basquetebol, voleibol, ténis, artes marciais e dança ou natação.

 

Entre as atividades individuais ou coletivas que as crianças podem realizar, devemos sempre privilegiar as que melhor se adequam a cada criança, em termos de gosto pessoal, para aumentar a motivação para o exercício.

 

Antes de iniciar uma atividade desportiva mais vigorosa, a criança deverá ser avaliada por um médico para verificar a condição física e a ausência de contraindicações médicas para o exercício.